Stay with me forever?

Eu gosto do barulho da chuva à noite, mas tenho medo dos trovões. Eu gosto de café quente, um bom livro e meu edredom verde. Eu gosto de filmes antigos, com amores trágicos. Pois, só assim eu posso comparar com a dura realidade. Gosto de olhar o céu logo quando o dia amanhece, me faz dar um largo e belo sorriso. Gosto de ser engraçada e de fazer piadas com os meus próprios problemas, afinal, drama demais enjoa. Gosto de músicas calmas, mas de vez ou outra me pego ouvindo algo mais pesado. Ah! Antes que eu me esqueça, eu gosto de margaridas. Pois, essa flor significa a inocência. E as vezes, é preciso enxergar o mundo com outros olhos para assim, deixar de ser alguém tão pessimista.
- O Diário de Sofi.  (via revejo)
Amar sempre foi da natureza e sempre existiu seus elementos. Quem ama se queima como fogo, se refresca no vento e se molha na água, se amar for pra ser definido a única definição existente é que para o amor não existe fronteiras. Amar não é ser sólido, não é ser gasoso. Amar, é ser as cores de um mundo preto e branco, é ter seu coração batendo para outra pessoa, é ser o chão daquele que é seu chão. Amar não é se deixar levar por alguém. É saber voar no mundo sem ter asas, sem ter chão para pousar. É entregar sua alma para outro corpo que não seja o seu, é se deixar levar por alguém que nas idas e vindas escolha o seu céu para voar. Amar não e isso nem aquilo, amar e tudo que faz dois corações ocuparem o mesmo espaço.
- Thiago Guedes (via revejo)
Entenda, sou complicado ao extremo, ninguém consegue lidar comigo. Você não teria paciência para tentar arrumar toda essa bagunça que há dentro de mim. Garanto que você irá abandonar o barco na primeira tempestade que acontecer. É melhor não arriscar, por favor, vá embora, desista enquanto há tempo, deixe-me seguir viagem sozinho.
- Raphael Henrique, Desalentou. (via revejo)

Themed